RANKING DAS TORCIDAS DE FUTEBOL DO BRASIL ATUALIZADO

RANKING DAS TORCIDAS DE FUTEBOL DO BRASIL ATUALIZADO

RANKING DAS TORCIDAS DO BRASIL – De tempos em tempos são realizados levantamentos para saber quais são os times que contam com o maior número de torcedores. A última pesquisa foi realizada pelo Ibope em parceria com o jornal Lance!. Veja como ficou o ranking das torcidas do Brasil.

A pesquisa está em sua quinta edição, sendo que o levantamento mais recente é de 2013, o qual é feito desde 1998. Para chegar aos resultados, foram entrevistadas mais de 7.000 pessoas em todos os estados do país.

No primeiro lugar ficou o Flamengo, como o time que tem o maior número de torcedores no Brasil. Já na segunda posição do ranking está o Corinthians, que cresceu 0,2 pontos, sendo que o rubro-negro perdeu alguns pontos, mas mesmo assim, manteve a liderança. Em terceiro lugar também se manteve o mesmo clube, o São Paulo.

Apesar de manter a colocação, foi o time que teve a maior queda. Segue na quarta posição o Palmeiras, na quinta o Vasco, na sexta o Atlético – MG, na sétima o Cruzeiro, na oitava o Grêmio, na nona o Inter, na décima o Santos, na décima primeira o Fluminense, na décima segunda o Bahia e o Botafogo, ambos com o mesmo percentual, na décima quarta o Vitória, na décima quinta o Atlético – PR e o Spot, também com porcentagens idênticas, na décima sétima o Santa Cruz e, por fim, e na última colocação o Ceará.

Informações do Ranking das maiores torcidas do Brasil

Para ter uma ideia, o Flamengo conta com 32,5 milhões de torcedores, o Corinthians com 27,3 milhões e o São Paulo com 13,6 milhões. Já o Ceará, que ficou no final do ranking possui 1,6 milhão de torcedores. Além disso, entre os cinco primeiros colocados, o Corinthians foi o único a ter alta em comparação à penúltima pesquisa, realizada em 2010.

Isso pode ser explicado pelo fato do clube ter conquistado a Libertadores e o Mundial em 2012. Enquanto isso, o Palmeiras também manteve a sua posição, embora tenha caído alguns pontos, sendo que o mesmo ocorreu com o Vasco.

No geral, o destaque fica para o Atlético-MG, que teve um ganho significativo nos pontos do ranking, o que permitiu subir da nona para a sexta posição. Por outro lado, o Grêmio perdeu duas posições, mesmo assim, manteve-se a frente do seu rival, o Inter. O Fluminense foi outro clube a melhorar a sua posição, subiu três níveis do ranking.

Já o Atlético-PR saltou da décima nona posição para a décima quinta, mostrando um bom desempenho na pesquisa. Outros dados do levantamento mostram que é formada por jovens a maioria dos torcedores do Flamengo, inclusive os pré-adolescentes entre os 10 a 15 anos. Outro dado curioso é que trabalhadores que ganham mais de 10 salários mínimos preferem o Corinthians.

RANKING DOS TIMES MAIS POPULARES NA INTERNET

RANKING DOS TIMES MAIS POPULARES NA INTERNET

A revista digital Futebol Business fez um levantamento dos times, considerando os clubes de todo o mundo, que foram mais populares no Facebook em 2014. Descubra qual o Ranking dos Times Mais Populares na Internet.

Para chegar aos dados finais, o levantamento considerou o número de fãs das páginas oficiais dos clubes na rede social e como está o potencial de cada clube em relação às marcas patrocinadoras. A partir disso, na primeira e segunda posições ficaram dois times da Espanha: Barcelona e Real Madri, respectivamente.

O terceiro lugar ficou para o clube inglês Manchester United. Já o Brasil surgiu somente na 15º posição do Ranking dos Times Mais Populares na Internet, com o Corinthians e, no 16º lugar com o Flamengo. Mais um time brasileiro aparece na pesquisa, na 22ª posição, o São Paulo.

Enquanto isso, o Palmeiras está em 27ª e, o Santos, em 28ª. Já o número de fãs da primeira posição, o Barcelona, é de 50,43 milhões de fãs e, o Real Madrid, 47,14 milhões. O Manchester United tem 38,65 milhões de fãs no Facebook e segue o Ranking dos Times Mais Populares na Internet com o também inglês Chelsea, na quarta posição com 21,06 milhões de fãs.

Mais sobre o Ranking dos Times de Futebol Mais Populares na Internet

A pesquisa realizada pela Futebol Business relacionou os 500 clubes mais populares da web levando em consideração o número de fãs virtuais. Aqui é possível conferir mais algumas posições. No quinto lugar ficou o Milan, da Itália, com 19,11 milhões de fãs; na sexta posição o Arsenal, da Inglaterra, com 18,17 milhões de fãs online; e o Liverpool, também da Inglaterra, no sétimo lugar com 14,23 milhões.

Já na oitava posição está o Bayern, da Alemanha, com 11,37 milhões de fãs; o Galatasaray, da Turquia na nona posição com 9,33 milhões, lembrando que recentemente o clube investiu em jogadores famosos, como Drogba e Sneijder; e na décima posição ficou o italiano Juventus com 9,26 milhões de fãs na rede social.

Os times somente do Brasil também receberam um Ranking dos Times Mais Populares na Internet, que ficou na seguinte ordem: 1º lugar Corinthians com 5,15 milhões de fãs no Facebook, 2º Flamengo com 4,95; 3º São Paulo com 3,02; 4º Palmeiras com 2,02; 5º Santos com 2,01; 6º Vasco com 1,46; 7º Cruzeiro com 1,39; 8º Atlético – MG com 0,98; 9º Internacional com 0,78; e no décimo lugar o Grêmio com 0,77 milhões de fãs na rede social.

O levantamento também filtrou o ranking com os clubes da América Latina, do primeiro ao último ficou na seguinte ordem: Corinthians, Flamengo, Boca Juniors, São Paulo, River Plate, Palmeiras, Santos, Vasco, Universitário do Peru e o Atlético Nacional da Colômbia.

COMO SER UM BOM ZAGUEIRO

COMO SER UM BOM ZAGUEIRO

O zagueiro é o jogador que fica na posição entre o gol e a linha média, sendo considerada a principal entre as demais posições da linha de defesa. Ou seja, a responsabilidade é grande e se você quer ser um profissional de destaque nessa posição, é melhor conferir as principais dicas de como ser um bom zagueiro.

Principais dicas de como ser um bom zagueiro

Já que a principal função desse jogador é a de marcar os atacantes, não deixando que os adversários criem possibilidades de gol, costuma-se recrutar para as defesas centrais os atletas que possuem estatura alta, o que facilita a disputa de bolas aéreas com golpes de cabeça. Porém, nem sempre o zagueiro possui domínio exemplar da bola. Por consequência, o que se vê são inúmeras faltas cometidas por eles. Sabendo agora qual é o ponto fraco dos zagueiros, você pode se especializar em suprir justamente essas lacunas.

A posição da zaga também exige uma forte marcação e requer que o jogador saiba trabalhar em grupo, pois, em geral, são dois os zagueiros. Enquanto um deve dar início à marcação, indo ao encontro do adversário, o outro precisa aguardar a retomada da bola.Além disso, para que a dupla trabalhe de forma equilibrada, é mais comum que um zagueiro seja mais forte e o outro mais veloz.

Para ser um bom zagueiro, nunca se deve passar do meio de campo do time adversário. Outra dica é não ir seco na bola, tampouco desviar um chute direto, como um chute forte direto ao gol. O mais recomendado é sair da frente do goleiro quando isso acontecer. Outra dica para ser um bom zagueiro é você apenas se envolver na hora das divididas quando tiver certeza de que irá chegar antes, caso contrário, não vale à pena o esforço. Dessa forma, prefira acompanhar o atacante e, quando puder, dê um chute na bola com precisão. Também é importante que o zagueiro permaneça atrás de alguém que esteja marcando, desde que não seja um escanteio e viradas de bola.

Já nas viradas de bola e escanteios, é aconselhável que o zagueiro sempre fique à frente do jogador que estiver marcando Porém, essa dica não serve em lances normais, como passes ou cruzamentos. Já quando o zagueiro estiver com a bola e alguém vier em sua direção, é melhor que esse jogador esteja na última posição (além do goleiro).

Por fim, saber como ser um bom zagueiro também consiste no jogador ter visão de jogo e evitar dar carrinhos por trás. Já na hora de treinar, deve-se priorize o exercício chamado “bobinho”, quando o zagueiro é o bobo e os outros jogadores tentam tirara bola dele, além de chutar a bola contra a parede de jogadores, assim, quando ela voltar, é preciso dar cortes ou outro chute para frente.

COMO SER UM BOM ÁRBITRO DE FUTEBOL

COMO SER UM BOM ÁRBITRO DE FUTEBOL

O árbitro, também chamado de juiz, é o profissional responsável para que os jogadores cumpram as regras do futebol, embora ele possa atuar em muitos outros esportes. Para quem deseja seguir essa carreira, algumas dicas de como ser um bom árbitro de futebol podem ajudar muito.

Saiba como ser um bom árbitro de futebol

Para início de conversa, o árbitro não necessita formação superior. No entanto, é preciso fazer um curso de formação especifico. Em São Paulo, há o curso da Federação Paulista de Futebol (FPF), com duração de um ano, sendo que existem pré-requisitos, como ter idade máxima de 30 anos e altura mínima de 1,60 m. Os futuros árbitros também não podem ser portadores de deficiência física incompatível à prática de arbitragem.

O outro curso para árbitros em São Paulo é o curso do Sindicato de Árbitros de Futebol de São Paulo (SFESP), com duração de três meses e que pode ser feito por qualquer pessoa nas escolas vinculadas à Federação Estadual de Futebol. Além das regras do futebol em si, esses cursos ensinam psicologia do esporte e noções de preparação física, entre outros assuntos importantes para a prática da arbitragem.

Para ser um bom árbitro de futebol não basta ter esses conhecimentos apenas na teoria. É preciso desenvolver habilidades na prática, como ter um bom preparo físico e mental, além de liderança, autoridade, honestidade e, acima de tudo, imparcialidade. Por mais que os juízes tenham fama de serem mal vistos em campo, a verdade é que se trata de uma profissão bastante concorrida.

Para se destacar como árbitro de futebol, é importante que o profissional tenha todas as características importantes para a sua função, já que muitas são as pessoas com essa formação no Brasil. É essencial saber ainda trabalhar em conjunto, pois o árbitro do futebol tem o auxilio de dois assistentes, mais conhecidos como bandeirinhas. Juntos, os três devem manter as partidas de futebol em equilíbrio, fazendo com que as regras sejam cumpridas.

O profissional que atua nessa carreira também vai ser considerado um bom árbitro se for responsável com os seus compromissos, já que é normal que ele tenha que estar presente no local do jogo algumas horas antes do começo da partida, a fim de cumprir toda a burocracia que envolve a sua função.

Ele também precisa ficar em torno de quatro horas após o fim da partida no local do jogo, uma vez que é ele quem deve entregar o relatório a respeito da partida. Vale dizer ainda que mesmo que o preparo físico seja importante, o árbitro não precisa ter habilidade de jogador e precisa estar disposto a viajar por todo o país.

Mulheres também estão procurando a formação de árbitro, aumentando a concorrência. A média de salário é de R$ 150,00 por partida. Por isso, muitos profissionais optam por ter um segundo emprego.

Agora que você sabe como ser um bom árbitro de futebol, é só fazer a sua parte para ser um profissional reconhecido.

COMO SER UM BOM GOLEIRO

COMO SER UM BOM GOLEIRO

Você que está querendo pegar todas as bolas e não se tornar um frangueiro deve aprender como ser um bom goleiro. Para tanto, algumas dicas podem ser bem úteis e até mesmo capazes de impulsionar a sua carreira como goleiro em um time de futebol.

Veja como ser um bom goleiro

A primeira dica é entender como funciona todo o jogo do futebol. Por mais óbvia que seja essa dica, ela é importante porque além de compreender as regras em si do jogo, o goleiro deve prever o que os jogadores vão fazer logo em seguida. Claro que isso também se aprende com a experiência, mas se o goleiro prestar muito atenção em como agem os jogadores desde novo, será mais fácil saber qual será o próximo movimento de cada um deles.

Para o goleiro, é fundamental ter uma luva boa, de qualidade, sendo o único acessório que necessita para atuar em campo, além do uniforme e do tênis, que também devem ser adequados. O melhor é que a chuteira tenha uma boa aderência ao solo, o que vai ajudar nos saltos.

Entretanto, o caso do par de luvas é ainda mais importante porque elas vão ajudar o goleiro a pegar a bola, além de proteger as mãos na hora de fazer isso. Essas luvas são um tipo de almofada e mesmo quando a bola é chutada com muita força, o seu objetivo é evitar lesões. Já a camiseta e os shorts, na região do quadril, podem ser ou não almofadados.

Também é essencial que o goleiro tenha um tempo curto de reação e seja ágil, a fim de reagir a um chute muito rapidamente. Isso se consegue com bastante treino, inclusive, realizando jogos de reflexos, sendo que você não deve exercitar apenas os seus braços para serem rápidos, mas todo o seu corpo, como barriga, coxas, pés, cabeça, peito, etc.

É preciso ainda treinar muito os saltos, para que você possa saltar para uma bola que venha alta. Você deve ter a mesma agilidade para pegar as bolas baixas, sendo que uma dica é saltar em sua direção, arremessando as mãos na frente da bola e trazendo o corpo para o movimento. Dessa forma, é importante pensar que, para ser um bom goleiro, é indispensável dominar todos os movimentos do seu corpo, bem como controlá-los.

Para pegar as bolas, não basta a sua mão chegar até elas, mas todo o seu corpo precisa se movimentar em conjunto. Além do salto para cima, o goleiro deve conseguir saltar para os lados com rapidez. É importante ainda que um goleiro faça musculação, para que tenha braços e pernas, principalmente, bem fortes. Isso serve tanto para pegar as bolas como também para arremessá-las a grandes distâncias após uma defesa. Você também deverá chutar forte, com a finalidade de iniciar a jogada, se o seu time ganhar um tiro livre.

Ao saber como ser um bom goleiro, seus resultados em jogo serão muito mais satisfatórios.

DICAS DE EXERCÍCIOS PARA TREINAR FUTEBOL

DICAS DE EXERCÍCIOS PARA TREINAR FUTEBOL

Quem deseja ser um bom jogador de futebol precisa, acima de tudo, treinar muito. Pensando nisso, algumas dicas de exercícios para treinar futebol podem ser muito úteis aos iniciantes e mesmo quem já possui experiência nos campos. Para fazer um treino eficiente, é preciso saber que o futebol em campo é cheio de pulos, manobras, movimentos rápidos e giros.

Principais dicas de exercícios para treinar futebol

Entre as dicas de exercícios para treinar futebol está simular um circuito de treino que permita a você desempenhar os movimentos de campo citados e a desenvolver as suas habilidades. Mas não adianta fazer isso de vez em quando. O jogador que almeja se destacar precisa ter disciplina, criando uma rotina de exercícios. Além de tudo, você deve incluir os agachamentos e as corridas de longa distância nesse circuito de exercícios.

Depois dessas atividades físicas, a dica para treinar futebol é que o interessado em jogar esse esporte trabalhe com os pés. Nessa hora, o mais importante é ensinar as pernas a controlar a bola, inclusive quando você já estiver exausto. Lembre que uma partida de futebol dura 90 minutos e é preciso acostumar o corpo a trabalhar por esse tempo e até mais, caso haja prorrogação.

Além dos treinos padrões com a sua equipe, os exercícios para treinar futebol que você realiza de modo individual são importantes para melhorar as suas aptidões defasadas. Outra dica é fazer movimentos de chute e de prender a bola com o seu pé mais fraco e arremessar as bolas em cantos da rede onde você tem dificuldade em acertar. É também fundamental que você desenvolva força nas suas pernas.

Treinar exercícios com acessórios também é essencial. Você pode usar várias bolas de futebol, postes e uma trave improvisada com rede para praticar o esporte, ajudando a simular uma partida real. A dica é dispor os postes em uma linha reta e driblar em torno deles. Na sequência, você pode aumentar a dificuldade do exercício, fazendo os dribles na diagonal ou de maneira irregular.

Você também pode usar uma parede para treinar, lembrando-se de chutar a bola contra ela, que é um jeito simples de treinar os passes mesmo estando sozinho. O mesmo funciona cabeceando a bola contra a parede. A forma mais eficiente desse exercício oferecer bons resultados é mirando a bola em pontos diversos na parede e dando chutes em velocidades e ângulos distintos.

Ao treino aeróbico, acrescente trote em velocidade mais baixa com tiros, aumentando a velocidade por 10 a 15 segundos. Além desses exercícios, você deve fazer musculação com alguma regularidade, pois essa atividade é muito importante para reduzir o risco de se ferir. Levantar peso, de acordo com as suas necessidades, também vai oferecer mais força, inclusive, para as divididas.

Assim, basta se preparar com disciplina para ter ótimos resultados como jogador de futebol.

O QUE ESTUDAR PARA SER UM JOGADOR DE FUTEBOL MELHOR

O QUE ESTUDAR PARA SER UM JOGADOR DE FUTEBOL MELHOR

Embora o estudo superior para jogadores de futebol não seja essencial para algumas pessoas, que não veem esse aprendizado como uma necessidade no país, a verdade é que, para qualquer indivíduo, independente da sua ocupação, estudar é importante. Saber o que estudar para ser um jogador de futebol melhor é essencial para você não perder tempo e se aperfeiçoar cada vez mais.

O estudo precisa ser necessariamente de maneira formal, em uma faculdade, por exemplo. Os jogadores podem estudar lendo livros, revistas, artigos e mesmo participando de congressos e pequenos cursos sobre o esporte. Embora até o ano 2000 fosse comum que os próprios clubes exigissem, de certa forma, que os atletas priorizassem a sua carreira, isso não é mais cobrado como antes.

O nível de escolaridade tem sido exigido em diferentes clubes de futebol. Para quem entende do assunto, essa característica torna-se até mesmo essencial, pois a formação escolar influencia na performance em campo, colaborando com o desempenho do time. Nesse sentido, jogadores que estudaram mais ou que estejam se aperfeiçoando têm uma maior capacidade de interpretar o discurso do treinador.

Além disso, fica mais fácil compreender os diferentes aspectos do treinamento, a ciência do esporte e até a questão científica por trás do treino. Além do nível educacional do atleta, o seu desenvolvimento cognitivo e social também são de grande importância.

Dicas sobre o que estudar para ser um jogador de futebol melhor

Os atletas podem investir em um curso superior de educação física, que é um dos mais cursados entre os treinadores. A cobrança dos estudos é maior entre os times profissionais, sendo que já é exigido que os jogadores ao menos concluam o ensino médio. Mesmo que sejam raros, alguns jogadores já se dedicam ao ensino superior. Existem clubes que até subsidiam o estudo dos jogadores, pagando até 80% da mensalidade em determinados casos.

Há também clubes brasileiros de futebol que possuem escolas dentro da concentração ou convênios com escolas públicas e particulares, além de transporte para levar os jogadores para as aulas, mesmo em formação de base. Especialistas no assunto explicam que, muitas vezes, a própria família tem a sua parcela de culpa pela falta de interesse nos estudos, pois ela não estimula os jogadores a continuarem na escola.

Já para os jogadores que buscam oportunidades de integrar clubes em outros países, a dica sobre o que estudar para ser um jogador de futebol melhor consiste em apostar nos cursos de idioma. Quando eles são negociados pelos clubes estrangeiros, são mais valorizados economicamente se dominam um segundo idioma.

Em países como Estados Unidos e nos países europeus, a situação do futebol em relação à escolaridade é bem diferente, sendo que há mais incentivo para os atletas concluírem o ensino médio e o ensino universitário. Nos Estados Unidos, por exemplo, é preciso entrar em uma universidade antes de se profissionalizar.

Logo, siga o exemplo acima e se dedique aos estudos para ser um jogador de futebol ainda mais competente e requisitado.

IMPORTÂNCIA DE DESCANSAR PARA JOGAR BEM FUTEBOL

IMPORTÂNCIA DE DESCANSAR PARA JOGAR BEM FUTEBOL

Toda atividade física exige que o corpo tenha períodos de descanso. Uma média de oito horas de sono por dia é indicada tanto para atletas como para qualquer pessoa que deseja apostar em uma vida mais saudável. Para entender a importância de descansar para jogar bem futebol, vale lembrar que o sono funciona como um restaurador da energia gasta ao longo do dia.

Ao dormir, acontece uma inibição protetora ao córtex cerebral, o que permite a regeneração das células cerebrais aos produtos residuais do metabolismo. Além disso, não é apenas o corpo que se regenera do estresse, mas também a mente. Porém, não basta dormir oito horas diárias, é preciso que esse descanso seja de qualidade.

Para dormir bem, o sono deve ser profundo e o adormecimento rápido. É preciso levar em consideração, ainda, o ritmo circadiano, isto é, o horário em que o organismo está acostumado a dormir. É por isso que se deve conhecer a importância de descansar para jogar bem futebol, além de manter uma rotina a fim de manter o bem-estar do organismo.

Mas não basta descansar à noite e dormir, pois o descanso entre os treinos de dia também são fundamentais. No futebol, o mais comum é que seja feito o treino físico durante a manhã. Já os treinos tático e técnico devem ser feitos no período da tarde. Esse tempo entre uma parte e outra do treino é o que permite a regeneração orgânica das cargas a que o atleta se submeteu.

Mais sobre a importância de descansar para jogar bem futebol

Principalmente em épocas de competições, é normal que os jogadores de futebol treinem mais, inclusive, por conta, o que é importante para desenvolver as suas habilidades individuais. No entanto, negligenciar o descanso é uma afronta à boa saúde do organismo. Mesmo atletas extremamente envolvidos e dedicados ao esporte têm a obrigação de descansar.

É grande a importância de descansar para jogar bem futebol porque, caso o atleta não descanse, o condicionamento físico geral pode reduzir. Além do declínio do condicionamento, o corpo passa por estresse físico, aumentando a pré-disposição para lesões durante os treinos ou até nos jogos.

A falta de sono causa ainda irritabilidade, apatia e até perda temporária da libido, entre outros sintomas negativos. O sono de qualidade e de boa duração não apenas é essencial para o treinamento e para o desempenho físico, como faz parte do próprio treino. Também pode ser indicado a um atleta dormir mais ou menos horas, conforme o seu desgaste.

Além disso, o mais indicado é que o sono durante a noite não sofra interrupções. Também é aconselhado que o atleta vá dormir antes da meia noite, pois as horas que antecedem esse horário são as mais benéficas para o organismo. Um banho morno ou uma bebida morna (sem cafeína) ajuda o sono a vir mais facilmente.

Assim, fica mais fácil ter o preparo físico e mental para um ótimo desempenho em campo.

COMO SER UM BOM TÉCNICO DE FUTEBOL

COMO SER UM BOM TÉCNICO DE FUTEBOL

Algumas dicas de como ser um bom técnico de futebol podem ajudar os atletas que almejam chegar a esse posto. Em geral, são técnicos os jogadores com ampla experiência em campo e que tiveram uma carreira de sucesso. Além disso, é preciso ser um expert em futebol, entender muito bem de tudo o que se refere ao jogo em si, além de saber como montar uma equipe eficiente. Até mesmo jogar videogame pode ser uma forma de colocar em prática estratégias de campo que o técnico ainda não treinou com os seus jogadores.

Descubra como ser um bom técnico de futebol

Outra dica para ser um bom técnico de futebol é que o profissional tenha atitude e saiba como comandar uma equipe. O senso de grupo deve ser grande, bem como a capacidade de motivar os jogadores. Assim como o gerente de uma empresa, o técnico de um time de futebol precisa dominar uma série de conhecimentos, inclusive, a da liderança. Diferente de outros profissionais do futebol, é mais indicado que o técnico tenha formação superior em educação física.

O aspirante a técnico pode ainda realizar um Curso de Formação de Treinador de Futebol, organizado pelas Federações ou Associações Específicas. Na hora de fazer o estágio, o mais indicado é entrar em um clube para começar a atuar na área, já que nem sempre um técnico precisa ter sido um jogador de sucesso, embora isso seja bem comum no Brasil.

Além de times grandes, existem os menores, inclusive as escolinhas de futebol. Para quem estudou na faculdade para ser técnico, começar em uma posição menos glamorosa vai ser importante para ganhar experiência e se tornar um técnico com maior evidência, se esse for o objetivo do profissional.

Também é importante ter contatos para se tornar um técnico de futebol e conseguir boas oportunidades de mostrar o seu potencial. Além disso, é preciso levar em consideração a possibilidade de ter que trocar de cidade, se conseguir uma vaga de treinador em um time do interior, por exemplo.

Investir em ser técnico de times menores pode ser uma grande oportunidade de mostrar a qualidade do seu trabalho, ainda mais se o time ganhar expressão com a sua atuação. Há também a importância de saber como funcionam as coisas, pois os técnicos do futebol podem perder o seu cargo a qualquer momento, seja por questões técnicas ou políticas.

Ter um bom temperamento é outra característica fundamental para um bom técnico de futebol, pois é normal que, ao longo de sua carreira, o técnico ouça inúmeras críticas, em sempre construtivas. Nessa hora, é necessário estar preparado para saber ouvir isso e assimilar as informações realmente importantes.

Para finalizar, a última dica de como ser um bom técnico de futebol é estar sempre atualizado, sendo que frequentemente são realizados cursos e congressos de futebol, os quais são indicados aos técnicos, para que estes adquiram mais conhecimento e se reciclem.

COMO TER UMA BOA ESTRATÉGIA NO FUTEBOL

COMO TER UMA BOA ESTRATÉGIA NO FUTEBOL

Saber como ter uma boa estratégia no futebol é fundamental para o sucesso de um time. Em geral, isso é de responsabilidade do técnico, que deve criar jogadas, bem como estimular o desenvolvimento das aptidões de cada jogador. Para tanto, é essencial ao treinador ter capacidade de analisar e compreender o jogo.

Para que isso seja possível, o técnico deve conhecer profundamente o esporte e até estar de olhos abertos para a forma como outros times jogam. Aprender com o adversário é importante, inclusive, para que tenha maiores chances de ganhar uma partida deles. Ler sobre o assunto e participar de cursos e congressos de futebol também são outras formas de ampliar o conhecimento sobre o esporte e, por consequência, aprender a ter uma boa estratégia no futebol.

Quando o técnico não foi um jogador de futebol, é preciso ainda mais dedicação. Porém, não é um pré-requisito, mesmo que muitos dos técnicos mais famosos do país tenham sido jogadores de sucesso. Mas se o treinador não passou por essa experiência, uma dica é acompanhar o máximo de jogos possível, bem como os treinos, incluindo os da sua equipe do coração.

Para saber como ter uma boa estratégia no futebol, ainda é necessário definir um objetivo, seja ganhar uma competição, desenvolver os melhores jogadores, tornar o time mais qualificado, etc. A partir disso, fica mais fácil determinar quais serão as etapas para alcançar a sua meta.

Dicas de como ter uma boa estratégia no futebol

Para fazer uma boa estratégia em campo, deve-se conhecer muito bem os jogadores da equipe, a fim de posicioná-los onde os seus potenciais serão melhores aproveitados. No entanto, esforço, concentração e visão são outras necessidades de um técnico, pois ele deve ter em mente que uma boa estratégia não se faz em pouco tempo.

Para saber como ter uma boa estratégia no futebol, é necessário encontrar um modelo de jogo que se encaixe melhor no time. Existem modelos prontos, como o modelo de jogo apoiado no sistema tático, o apoiado no sistema, o baseado no losango, baseado no sistema, entre outros tipos.

A partir disso, pode-se trazer o modelo escolhido à realidade do time que o técnico treina, mas essa opção deve ser precedida por meio de diferentes análises. Entre elas, as mais importantes são a análise da competição a ser enfrentada (o que consiste em conhecer o adversário), a análise do plantel disponível (habilidades dos jogadores) e a análise de um modelo de jogo compatível.

Com essas análises em mente, fica mais fácil de saber como treinar os jogadores a fim de colocar em prática a estratégia concebida. Quando o treinador desenha a estratégia e mostra aos jogadores, o resultado pode ser mais eficaz, já que fazer com que todos a compreendam perfeitamente é imprescindível.

Agora é só aplicar as informações acima para garantir a melhor estratégia no seu time.

COMO MANTER A PREPARAÇÃO FÍSICA PARA JOGAR FUTEBOL

COMO MANTER A PREPARAÇÃO FÍSICA PARA JOGAR FUTEBOL

Saber como manter a preparação física para jogar futebol é fundamental para você atingir bons resultados, ainda mais porque esse esporte é um dos que contam com maior desgaste físico. Isso se deve tanto à ampla área do corpo que o futebol abrange quanto ao tempo de uma partida sem intervalo.

Descubra como manter a preparação física para jogar futebol

Para manter a preparação física, é preciso apostar em alguns aspectos fundamentais, como resistência, força, coordenação, flexibilidade, velocidade, agilidade e equilíbrio. Quanto à resistência, que possibilita ao corpo aguentar um esforço intenso por um período de tempo, pode ser tanto aeróbica, quanto anaeróbica ou muscular.

Enquanto a resistência aeróbia se refere à usada quando se faz uma atividade de baixa intensidade por um longo tempo, a anaeróbia é necessária em exercícios de alta intensidade e curta duração. Já a resistência muscular refere-se à capacidade de um grupo muscular suportar repetidas contrações.

Já a força, que é a possibilidade de um músculo se opor a uma resistência, é de três tipos diferentes: dinâmica (que produz movimento); estática (iguala-se à resistência); e de explosão (junção de força e velocidade). Quanto à flexibilidade, trata-se da a maior amplitude possível de movimento de uma articulação.

A coordenação é a aptidão de fazer movimentos com o máximo de eficácia e economia de esforços, enquanto a velocidade se refere à habilidade de realizar uma ação em menor tempo possível. Já o equilíbrio é a conservação da projeção do centro de gravidade dentro da área de superfície de apoio.

Todas essas habilidades devem ser trabalhadas a fim de manter a preparação física para jogar futebol. A atenção que vai ser dada a cada um desses aspectos será de acordo com a estratégia dos treinadores da equipe. Porém, ao entender como funcionam, você pode treinar sozinho as habilidades que julgar merecerem mais atenção para o seu preparo físico.

A preparação física também depende da fase em que a equipe está, se em pré-temporada ou em etapa de competição. Quando os jogadores estão na pré-temporada, o mais comum é que o treino seja: físico em 50% do tempo, desenvolvendo todas as habilidades citadas; tático com trabalho das jogadas ensaiadas, defesa e ataque, entre outros tipos, em 30% do tempo; e 20% técnico, trabalhando em conjunto.

Quando uma equipe pode treinar mais frequentemente, é possível separar bem cada fase do treino, com a finalidade de manter a preparação física de cada atleta para jogar futebol. O mesmo não é possível com treinos mais escassos, quando os exercícios devem ser mesclados para melhor aproveitamento do tempo, inclusive, os de bola. Já quando ocorre a preparação física na fase de competição, o treino se divide em 20% físico, 40% tático e 40% técnico. Além disso, se houver treinos mais frequentes, cada atleta pode receber treinos distintos, conforme as suas necessidades.

Ao aprender como manter a preparação física para jogar futebol, você terá mais chance de virar um craque da bola.

DICAS DE ALIMENTAÇÃO PARA JOGADORES DE FUTEBOL

DICAS DE ALIMENTAÇÃO PARA JOGADORES DE FUTEBOL

Além de muito treino, uma alimentação adequada é imprescindível para que o atleta se destaque em sua área. Isso serve inclusive aos praticantes da paixão nacional brasileira: o futebol. Mas mesmo que você ainda não esteja na seleção brasileira, você deve apostar em alimentos favoráveis à sua performance. Para tanto, veja quais são as 5 dicas de alimentação para jogadores de futebol.

Confira 5 dicas de alimentação para jogadores de futebol

1. Selecionar os carboidratos

Os carboidratos têm alto valor energético, o que é indispensável para o jogador de futebol, que precisa de muita energia para gastar tanto nos treinos como em campo. No entanto, é importante saber diferenciar os carboidratos de baixo índice glicêmico antes dos treinos e os simples. Os primeiros devem ser ingeridos preferencialmente antes dos treinos e são aqueles que fazem o organismo trabalhar mais para que sejam digeridos. Dessa forma, o atleta vai ter energia por mais tempo. Entre as melhores opções estão arroz, pão e macarrão integrais, bem como batata doce, aveia e frutas como ameixa e maçã.

Por sua vez, os carboidratos simples devem ser ingeridos depois do treino, tendo em vista que como eles são digeridos mais rapidamente, o organismo conta com mais facilidade para repor as energias perdidas. Exemplos de carboidratos simples são: mel, leite e derivados, açúcares, etc.

2. Comer fontes de proteína

As proteínas são nutrientes construtores, que reparam músculos, tecidos, células, além de produzir anticorpos, hormônios e enzimas; todos fundamentais para o bom funcionamento do organismo. Assim como os carboidratos simples devem ser consumidos, de preferência, depois dos treinos, as proteínas também são recomendadas para o consumo após os treinos. Alimentos ricos em proteína são os seguintes: carnes vermelhas e brancas, ovos, leite e derivados, castanha, nozes, grão de bico, feijão, ervilha e lentilha, entre outros.

3. Escolher gorduras saudáveis

As gorduras também fazem parte do bom funcionamento do corpo. Por isso, elas devem ser consumidas, desde que a partir das fontes certas. Além de oferecer energia aos jogadores de futebol, gorduras saudáveis ajudam na absorção de vitaminas como A, E, D e K. Também protegem órgãos e tecidos e produzem hormônios. O melhor é optar pelas insaturadas, presentes nos azeites de oliva, canela, girassol e milho, podendo ser usadas para temperar saladas, com moderação.

4. Consumir frutas e legumes

O consumo de frutas e legumes é uma das 5 dicas de alimentação para jogadores de futebol que completa o cardápio de alimentos variado e saudável, sendo de extrema importância. Mais do que a presença de vitaminas e minerais, as frutas e legumes possuem propriedades que regulam o intestino, ajudam na digestão e na circulação do sangue, além de fortalecerem o sistema imunológico.

5. Hidratação

Além de escolher os alimentos certos para ingerir antes e depois dos treinos, os atletas devem manter o seu organismo hidratado todo o tempo, pois é isso que vai permitir com que o restante funcione bem. Como os jogadores perdem muita água ao se exercitarem, pelo suor e urina, por exemplo, os atletas devem tomar, no mínimo, dois litros de água, todos os dias, mesmo em dias que não treinarem. As bebidas hidroeletrolíticas (isotônicos) podem ser ingeridas, mas não em maior quantidade do que a água.

Assim, seus resultados no futebol serão bem mais produtivos.

COMO SER UM BOM ATACANTE DE FUTEBOL

COMO SER UM BOM ATACANTE DE FUTEBOL

Saber como ser um bom atacante de futebol é possível com algumas dicas, além de muita dedicação e treino. Por isso, você deve ficar atento aos conselhos abaixo, caso queira se aperfeiçoar nessa posição em times de futebol, seja apenas um hobby ou a sua profissão.

Confira como ser um bom atacante de futebol

O primeiro aspecto para que um jogador se destaque na posição de atacante é que ele saiba dominar a bola, o que é ainda mais importante do que ter um chute forte. Ao ter esse domínio, o atacante consegue receber os passes com mais facilidade.

Como o treino é fundamental para saber como ser um bom atacante de futebol, uma dica de exercício é pedir a um amigo que ele lance inúmeras vezes para você a bola no ataque e também faça lançamentos à distância, além de toques rápidos e próximos. Tudo isso vai ajudar a desenvolver as suas habilidades e aprimorá-las.

Outra dica é quanto ao posicionamento, sendo que se engana quem pensa que o atacante deve permanecer parado na área, esperando receber a bola e mandar para dentro do gol. Um atacante de verdade sabe a importância de se dedicar a procurar pelos espaços vazios e se livrar das marcações do adversário.

Nas peladas com os amigos, você pode exercitar muito a sua capacidade de se posicionar, sendo a melhor hora para jogar com alguém melhor do que você e que saiba marcar com eficiência, tornando-se um obstáculo a se superar. Entenda que é preciso passar pelo marcador, ao definir um objetivo, e não parar até alcançá-lo.

Também é de extrema importância que você tenha bons chutes, sendo o ponto mais importante depois de ter domínio de bola. Com esses dois elementos, aliás, você consegue ser imprevisível, o que é essencial ao jogador dessa posição.

Um atacante de qualidade também deve pensar rápido, ou seja, não é apenas o seu corpo que deve se movimentar com agilidade, mas a sua mente também. Com isso, são reduzidas as chances de você perder uma oportunidade de fazer um gol porque não estava 100% concentrado.

Além disso, os melhores atacantes do futebol são os que não pensam muito antes de chutar. Mas para que o seu chute seja eficaz, não basta arremessar a bola rapidamente, pois é preciso ainda ter em mente uma estratégia. A melhor forma de desenvolver essa capacidade é treinar muito, sejam chutes de longa distância ou chutes de curta distância, contanto que se esteja com o alvo sempre no gol.

Mesmo que o atacante possa se destacar mais do que os outros jogadores em um time quando conseguir fazer muitos gols, é preciso que ele não se esqueça da importância de jogar em equipe. A noção de grupo é fundamental para todos os atletas do futebol, uma vez que nada é feito de maneira individual.

Pronto, agora você já sabe como ser um bom atacante de futebol para fazer sucesso nos campos.

WWW.NRNOFICIAL.COM.BR – NAÇÃO RUBRO-NEGRA, FLAMENGO

WWW.NRNOFICIAL.COM.BR - NAÇÃO RUBRO-NEGRA, FLAMENGO

A Nação Rubro-Negra é a chance de você torcedor do Flamengo fazer a diferença. Saiba que ao assinar o seu produto você ajuda o clube a se tornar o time que você sempre desejou ver em campo, com muitos títulos! E o melhor de tudo é que os associados ganham diversos benefícios incríveis, como compra de ingressos, promoções exclusivas, e muito mais, para você ter ainda mais motivos para vibrar pelo seu time do coração!

São seis tipos de planos para que você possa escolher o que melhor atender suas demandas. São eles: Amor, +Amor, Raça, +Raça, Paixão e +Paixão. Na categoria Raça, por exemplo, você paga R$ 39,90 por mês e tem prioridade na compra de ingressos, e aproveita promoções e experiências incríveis, como encontros com os seus ídolos do futebol!

E ao fazer sua adesão aos planos + Raça ou superior você vai ganhar uma camisa oficial do time, para torcer em grande estilo nos jogos do Mengão! Mais um motivo para você assinar um dos planos do clube mais rubro-negro do país, com muitas vantagens a todos os seus torcedores.

E as vantagens não param por aí, pois quem entra para o clube nos planos Raça e Tradição conta com 20% de desconto na Centauro, para você garantir economia em suas compras na loja. É o clube perfeito para os torcedores que são fanáticos pelo Flamengo, e desejam desfrutar de diversas vantagens enquanto torcem muito para seu time favorito do coração!

Saiba tudo sobre a Nação Rubro-Negra, um clube repleto de vantagens para os torcedores de todo o país, através do site abaixo, que traz todas as informações que você precisa para se associar ainda hoje no clube mais rubro-negro de todo o país. Seja uma Nação Rubro-Negra você também e aproveite de muitos benefícios e vantagens!

NAÇÃO RUBRO-NEGRA, FLAMENGO – https://www.nrnoficial.com.br/site/principal/home

COMO COMPRAR INGRESSOS PARA A COPA DO MUNDO NO BRASIL 2014

Depois que passamos pela experiência da Copa das Confederações esse ano aqui no Brasil, em 2014 é a vez da Copa do Mundo que trará as melhores seleções do planeta para jogar por um mês inteiro em nossos estádios que estão sendo especialmente preparados para isso. Mas enquanto a copa não chega a movimentação pela compra dos ingresso já acontece desde o último dia 20 de agosto e vai até o próximo dia 10 de outubro.

Comprar Ingressos para a Copa do Mundo 2014 no Brasil

Essa primeira etapa consiste no pedido dos ingressos por jogo. Isso pode ser feito acessando o site da FIFA em www.fifa.com e com o preenchimento de seus dados pessoais. Apesar de não poder escolher os números das cadeiras, a organização do evento está garantindo que todos os pedidos que forem feitos em sequência pelo cadastro, serão colocados em cadeiras vizinhas.

COMO COMPRAR INGRESSOS PARA A COPA DO MUNDO NO BRASIL 2014

Para reservar você precisa fornecer todos os seus dados e de quem vai lhe acompanhar nos jogos, além de escolher qual a partida que deseja comprar. Por último basta escolher a categoria da localização no estádio que vai de 1 a 4.

Categorias

As categorias de ingressos que citamos mais acima foi dividida da seguinte forma:

Categoria 1: É a categoria com preços mais altos. Podemos dizer que essa será a área VIP do estádio, estando localizada na parte central do estádio.

Categoria 2: Em sequência é a segunda mais cara e possui assentos alocados entre a categoria 1 e estão mais próximas ao gol.

Categoria 3: São as cadeiras localizadas atrás do gol.

Categoria 4: É a categoria mais barata e somente brasileiros podem comprá-la. Isso foi uma garantia que a Fifa deu para que possamos aproveitar de fato a copa que vai acontece em nosso país.

Além dessas categorias você ainda vai encontrar os camarotes e os setores VIP mas esses são comprados em um portal a parte que também pode ser encontrado linkado no site e da Fifa.

Meia entrada – Comprar Ingressos Copa do Mundo no Brasil em 2014

Somente terão direito á meia entrada idosos com idade a partir de 60 anos completados até o dia da final da copa, estudantes e beneficiários do programa Bolsa-Família. A condição para compra desses ingressos é válida somente para quem vai adquirir cadeiras na categoria 4. Acima disso o valor é cobrado normalmente mesmo estando dentro do perfil, com exceção dos idosos.

A comprovação da meia entrada será feita com a apresentação da carteira de estudante ou comprovante de matrícula devidamente carimbado e assinado por um responsável da instituição, com a carteira de idoso ou RG e com a carteira do bolsa família e um comprovante do benefício.

Esses documentos devem ser apresentados tanto na hora de retirar o ingresso na bilheteria como também para entrar no estádio. Para estudantes que vão assistir jogo fora do seu estado, só será aceito como comprovante de meia entrada a carteira nacional de estudante.