PontoXP.com - Dicas e Informações Gerais.





SEGURO VIAGEM INTERNACIONAL

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Viagens

SEGURO VIAGEM INTERNACIONAL – A melhor forma de viajar precavido, atualmente, é contratando um seguro viagem internacional, além de ser exigido em alguns países, é uma garantia de que você terá assistência em casos de apuros. Os países europeus e mesmo de outros continentes exigem que os turistas estejam em posse desse documento quando entram no país para que os governos não tenham que arcar com as despesas relacionadas à saúde e outros imprevistos que o turista sofra no sue território.

O mais comum é que o seguro viagem internacional cubra assistência médica/hospitalar e repatriação sanitária (deslocamento do enfermo), no entanto, pode contar com outros serviços, o que também vai influenciar no valor do produto. Nos países europeus, é o tratado de Schengen que define que os turistas devem contratar um seguro internacional de viagem com cobertura mínima de 30 mil euros de assistência médica/hospitalar. O mesmo ocorre em Cuba.

SEGURO VIAGEM INTERNACIONAL

Seguro internacional de viagem personalizado

Já que o mercado de seguros de viagem teve uma alta nos últimos anos, devido, em especial, ao crescimento do poder aquisitivo dos brasileiros, especialmente da classe C, as seguradoras começaram a criar pacotes personalizados. Entre as vantagens do seguro para viagens desse tipo é o dispor de mais segurança e comodidade ao viajante.

Um exemplo de pacote personalizado são os que algumas empresas oferecem aos executivos em viagem. Nesse caso, além do básico, outras vantagens do seguro para viagens é que a empresa ou empresário pode contar com o serviço de substituição de um executivo em viagem que tenha adoecido ou que deva voltar antecipadamente. Outro serviço adicional do seguro personalizado é a possibilidade de envio de documentos urgentes.

Como escolher um seguro viagem

Existem muitas seguradoras que oferecem i serviço, sendo que o mais importante é sempre contratar aquele que atende as necessidades do viajante. Alguns seguros, por exemplo, contam com cobertura para esportes de risco, mas se o turista não pretende realizar esse tipo de atividade em sua viagem, não tem porque contratar um seguro dessa modalidade, o que encarece o valor final.

No caso de turistas de terceira idade, é preciso verificar se o seguro apresenta limite de idade para direito às coberturas. O serviço também costuma cobrir ao segurado indenização, em casos de morte acidental, cancelamento de viagem, perda de bagagem, entre outros. Antes de escolher, portanto, a seguradora, pesquise bem e faça uma avaliação de qual possui o melhor custo benefício.

loading...





PontoXP © 2006-2017 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!