PontoXP.com - Dicas e Informações Gerais.





RISCOS DA GRAVIDEZ APÓS OS 40 ANOS

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Engravidar ,Saúde

RISCOS DA GRAVIDEZ APÓS OS 40 ANOS – Não se pode negar que, mesmo com os avanços da medicina, existem vários riscos da gravidez após os 40 anos. Isso acontece porque nessa fase as mulheres estão mais propícias a sofrerem de doenças que ocorrem durante a gestação. É o caso da diabete gestacional, hipertensão, abortos, prematuridade e distocia funcional (quando o trabalho de parto não evolui na velocidade esperada).

RISCOS DA GRAVIDEZ APÓS OS 40 ANOS

A gestação de risco também pode causar no bebê alterações cromossômicas numéricas ou estruturais, como a síndrome de Down, porque os óvulos da mulher aos 40 já não têm o conteúdo genético tão eficiente como quando era mais jovem. Na realidade, a gestação de risco começa a ocorrer mais cedo ainda, por volta dos 35 anos. Estudos apontam que até 25% das gestações em idade avançada resultam em aborto.

Riscos de uma gestação depois dos 40 anos

A taxa de bebês nascidos prematuramente também é mais alta em mulheres que ultrapassaram os 35 anos, chegando a 15% por causa de complicações como o diabete e a hipertensão. Além disso, durante uma gravidez, o normal é que a circulação sanguínea e o trabalho do coração aumentem. Os riscos da gravidez após os 40 anos é que essas alterações decorrentes da gravidez sobrecarregam o músculo cardíaco.

Outro motivo que faz o fato de engravidar aos 40 anos ser arriscado diz respeito ao preparo físico da futura mamãe. Como o mais comum é que mulheres mais velhas não tenham a mesma disposição de outrora, as que sofrem de osteoporose, problemas de circulação e obesidade podem ter as suas situações agravadas.

Quem deseja engravidar aos 40 anos deve saber, ainda, que é mais comum a gestação de gêmeos e até mesmo trigêmeos. Diferente do que se pode imaginar, isso nem sempre é consequência dos tratamentos de reprodução assistida. Ou seja, quanto maior a idade, maior a incidência de dar a luz a mais de um bebê. O problema, entretanto, é que a mulher com mais de 40 anos tem mais chances de passar por um parto prematuro e haver restrição do crescimento fetal, podendo ocorrer até má formação.

Além disso, de forma geral é mais difícil a mulher engravidar depois dos 40 anos, pois o seu organismo nasce com um tipo de planejamento biológico predeterminado, com um número finito de óvulos, que naturalmente se esgotam com o passar dos anos. Portanto, a partir dos 35 anos, existe a diminuição dos óvulos, assim, a gravidez é naturalmente mais difícil aos 40 anos.






PontoXP © 2006-2018 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!