PontoXP.com - Dicas e Informações Gerais.





O QUE SABER SOBRE ÉTICA EMPRESARIAL

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Mercado, Negócios e Empresas

O QUE SABER SOBRE ÉTICA EMPRESARIAL

Em tempos de escândalos tanto na esfera governamental quanto na iniciativa privada, o que saber sobre ética empresarial se tornou assunto de primeira ordem. Para os empresários, mais do que nunca é preciso estar atento a isso, já que a sociedade, cada vez mais, exige profissionais éticos.

Ou seja, entre outros fatores, o consumidor atual também avalia como está a preocupação com a ética dentro de uma empresa ao decidir por comprar um produto ou serviço dela ou do concorrente. Além disso, existem diferentes formas de manifestar ética dentro de um empreendimento.

Isso se dá através da relação da diretoria com os funcionários, da empresa com os consumidores, do empreendimento com o governo e mesmo dos empresários com outros empreendedores. A palavra de ordem nesse sentido é transparência e a sociedade quer enxergá-la nas mais diversas relações que são travadas.

Para tanto, a empresa deve cumprir de modo transparente e claro todos os compromissos que firmar, atuando honestamente e adotando uma postura aberta de negócios. Um jeito de assegurar isso é sabendo quais são os seus valores, rumos e expectativas e trabalhar para que todos os envolvidos, não apenas conheçam essas informações, mas as sigam também.

As chamadas responsabilidades sociais, portanto, devem ser respeitadas. No que tange aos funcionários, essa relação é ainda mais fiscalizada pela sociedade.

Mais dicas o que saber sobre ética empresarial

Quando se fala em ética empresarial, entretanto, não se refere apenas à atuação dos empresários, da alta diretoria, mas também à ética dos funcionários, inclusive, em relação aos seus colegas. Em um mundo tão competitivo como é o mercadológico não são raros os momentos em que os colegas de trabalho agem pelas costas um dos outros buscando autopromoção.

Esse comportamento, todavia, muitas vezes, é estimulado dentro do mercado de trabalho e, mais uma vez, quem é responsável por mudar isso são os empreendedores, que devem estimular os seus funcionários a seguirem os valores e missão definidos pela empresa. Mas isso não significa que os negócios não devem visar lucros e ganhar da concorrência.

O desafio, portanto, está em fazer isso dentro dos limites de um comportamento ético. No entanto, agindo com bom senso é possível aliar as duas questões em prol de todos. Para uma empresa ser considerada ética ela deve possuir em seus pilares valores como respeito, honestidade, cooperação, justiça, prudência e senso crítico.

Quando os trabalhadores de uma empresa enxergam esses valores refletidos na alta direção, na gerência e em seus superiores, atitudes éticas são automáticas. Além disso, ética empresarial não anda na contramão da concorrência, uma vez que bons negócios dependem essencialmente do desenvolvimento e manutenção de relações de longo prazo.

E mais, está atrelada ao comportamento ético a imagem de uma empresa, a sua reputação e, hoje em dia, ninguém quer estar associado a pessoas que não sejam de confiança.




Assine e Receba Novidades GRÁTIS por e-mail!

Confirme sua inscrição no link que receberá por e-mail


Recomendamos para você

Receba Novidades Grátis

Últimos Artigos:




PontoXP © 2006-2016 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!