PontoXP.com - Dicas e Informações Gerais.





MERCADO PARA ÁREA DE ENGENHARIA DE MINAS

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Empregos

MERCADO PARA ÁREA DE ENGENHARIA DE MINAS

O mercado para área de engenharia de minas conta com relativamente poucos profissionais, já que se estima que exista no Brasil menos de 3 mil formados nessa área. Já para atuar como engenheiro de minas, além do diploma de graduação, o profissional deve ter registro junto ao Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Crea).

A lei que regulamenta a profissão é de nº 5.194, de 24 de dezembro de 1966. Inicialmente, o salário desse engenheiro pode chegar a R$ 4 mil, sendo que os ganhos intermediários, com alguns anos de experiência, ficam entre R$ 15 e R$ 20 mil. Já no auge da carreira, o salário pode chegar a R$ 30 mil, ou seja, quando o profissional atingir de 10 a 15 anos de atuação na área.

No início da profissão, os recém-formados executam atividades como acompanhamento e assessoria à produção de minerais, comando de equipe de técnicos e trabalhadores, além de elaboração de projetos. Já que o trabalho do engenheiro de minas costuma ser realizado na zona rural, ele nem sempre vai ter, à disposição, universidades para continuar os estudos.

Mesmo assim, deve-se manter atualizado, sendo que o sucesso da sua carreira vai depender de onde ele estiver empregado, já que nem todos os lugares que contratam esse profissional possuem a infraestrutura adequada. Já quando estiver no auge da sua atividade, é comum que se torne o responsável no comando.

Mais sobre o mercado para área de engenharia de minas

Não dá para deixar de lado o fato de o setor de mineração depender muito do cenário econômico internacional. Já houve grandes crises que abalaram as empresas que atuam nesse setor, assim, diminuindo a demanda pelos engenheiros de minas. No entanto, o cenário não está ruim.

Quanto às empresas que contratam esse profissional, as grandes mineradoras concentram muitas vagas. Porém, esse engenheiro pode atuar junto a empresas de consultoria ou mesmo como profissional autônomo. Além disso, o setor de licenciamento mineral e ambiental, assim como as assessorias técnicas e venda de equipamentos, preferem ter os serviços de engenheiros de minas sem vínculo empregatício.

Um segmento em alta é o de pedreiras e empresas do setor de agregados, sendo que o Pará e Minas Gerais são os estados que oferecem o maior número de oportunidades para esse profissional. Entretanto, as demais regiões do país também possuem vagas para o formado em engenharia de minas.

Esse engenheiro é o responsável pelas atividades relacionadas ao carvão, águas subterrâneas e minerais. Ele pode ser contratado para encontrar depósitos minerais e iniciar atividades de extração. Também opera junto ao beneficiamento dos materiais, adequando-o às especificações produtivas.

É possível trabalhar na área de meio ambiente, onde vai cuidar do destino dado aos dejetos, bem como diminuir o impacto ambiental provocado pela mineração.

loading...





PontoXP © 2006-2017 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!