KIA PICANTO 2013 – PREÇO, FOTOS, CONSUMO

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Carros

KIA PICANTO 2013 – Presente no país desde 2006, o subcompacto coreano Kia Picanto 2013 chega ao país sob alta do IPI, mas com competência para brigar por espaço com a concorrência e continuar sendo um dos mais vendidos da fabricante Kia. O aumento do imposto rendeu um acréscimo de R$5 mil deixando o valor de partida de R$ 39.900,00 e máximo de R$ 49.900,00.

KIA PICANTO 2013

O Kia Picanto 2013 tem design assinado pelo famoso Peter Schreyer, responsável também design do Kia Soul e do Kia Sportage. Tal assinatura é a principal característica da nova identidade da marca pelo mundo todo. A frente do Kia Picanto 2013 leva grandes faróis de led e grade mais estreita – detalhe já bastante do redesign da Kia. A linha de cintura é ascendente e a lanterna traseira, também de led, tem formato de bumerangue.

FOTO INTERIOR KIA PICANTO 2013 - PREÇO, FOTOS, CONSUMO

Na parte interna do Kia Picanto 2013, há mais espaço para até três passageiros com conforto, apesar de o carro ser um subcompacto com 3,6 metros. Há número razoável de porta-objetos na parte interna, tais como os das portas que podem abrigar garrafas de até 1,5 litro e porta-revistas na parte de trás, presos aos encostos dos bancos da frente. O porta-malas comporta até 200 litros. Os itens de série agradam, com ar-condicionado, direção elétrica, trio elétrico, repetidores laterais de seta nos retrovisores, há também entradas USB e auxiliar com comandos de rádio no volante, que tem ainda regulagem de altura. As rodas são de liga leve de 14 polegadas. A versão mais completa traz ainda freios ABS e airbags frontais, além do teto solar.

KIA PICANTO 2013

Por fim, o motor do Kia Picanto 2013 é totalmente novo. Trata-se de um 1.0 com 12 válvulas com três cilindros e comando variável. É flex para etanol e gasolina, rendendo até 80 cavalos e 10,2 kgfm a 4.500 rpm com etanol. Segundo as medições do Inmetro, as médias de consumo de combustível do Kia Picanto 2013 são de 12,1 km/litro na cidade e 14,7 km/litro na estrada com gasolina. O motor flex consegue ser mais potente e mais econômico que o anterior. Há opções de câmbio manual e automático, constituindo-se o único 1.0 no país com essa possibilidade.




Receba Novidades GRÁTIS por e-mail!

Confirme sua inscrição no link que receberá por e-mail




Receba Novidades Grátis

Últimos Artigos:




PontoXP © 2006-2015 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!