ESCOLHER CURSOS GRATUITOS

ESCOLHER CURSOS GRATUITOS

Em meio a tantas opções de cursos para fazer pela internet, ou seja, sem sair de casa, é preciso saber como fazer a escolha certa. Por mais que seja uma forma prática e a única maneira de estudar para muitas pessoas, é necessário que o esforço seja recompensador. Para ajudar nessa hora, seguem algumas dicas para escolher cursos gratuitos.

Como escolher cursos gratuitos

É preciso escolher com seriedade um curso online e não levar em consideração apenas a opção mais barata, por mais tentadora que seja, ainda mais se não tiver a metodologia adequada e nem disponibilizar uma tecnologia realmente eficiente. Por isso, uma dica é avaliar a plataforma disponível para o curso online, que deve ser atraente, além de ter uma navegação fácil, intuitiva e que não seja confusa.

Além disso, não é porque você está estudando em casa que pode aceitar aulas entediantes. Assim como qualquer outra, elas devem despertar o seu interesse. Mesmo que não seja uma aula em tempo real ou em sala de aula, não pode faltar um dos principais elementos dos cursos online: interação. Ou seja, é necessário que você possa esclarecer suas dívidas a qualquer momento, sem ficar acumulando perguntas na sua cabeça.

Os recursos disponíveis não podem, de forma alguma, comprometer o seu aprendizado. Por tudo isso, antes de começar um curso online, procure conhecê-lo bem, ao obter o maior número de informações sobre metodologia, recursos, etc. Uma dica para escolher cursos gratuitos é procurar a opinião de alunos que já realizaram o curso. Já para saber como é a comunicação com a escola virtualmente, um indício de que é eficiente ou não pode ser observado no momento em que você pedir informações sobre o curso. Se elas vierem rápido e forem claras, isso é um fator positivo, mas claro, não basta apenas esse indício.

Existem canais de comunicação que são pontos positivos na hora de escolher cursos gratuitos, como os chats, fóruns e tutorias, os quais ajudam muito no aprendizado e você deve fazer uso deles ao estudar à distância. Além disso, para ajudar na decisão, assistir a uma aula demonstrativa, desde que o site ofereça essa opção – aliás, trata-se de outro bom indício.

Enquanto você assiste à aula, deve avaliar quesitos como: se a aula tem locução, se o formato é interessante, se a apresentação é agradável, se o conteúdo é relevante, entre outros. Gráficos e outros apelos visuais também são recursos importantes no aprendizado à distância. Materiais complementares e funcionamento da certificação também devem ser avaliados.

Mas além de saber como escolher cursos gratuitos, é importante que você também se comprometa, sem colocar dinheiro fora e seguindo o cronograma que se propôs. Organizar uma agenda de estudos ajuda na dedicação às aulas e ter um horário fixo para estudar, como se a aula fosse presencial, vai ajudar a criar uma rotina.