DICAS PARA PLANTAR ÁRVORES

DICAS PARA PLANTAR ÁRVORES

Quem está pensando em dar um novo visual a um quintal, um jardim ou uma varanda pode aplicar 4 dicas para plantar árvores. Basta esperar pelo tempo adequado depois que você seguir nossas 4 dicas para plantar árvores, pois é necessário ter paciência e ser cuidadoso para a árvore cresce do jeito desejado.

Dicas de como plantar árvores

1. Cavar buraco apropriado

Uma das regras no plantio de árvores e arbustos é cavar um buraco que seja três vezes mais largo que a raiz, mas não muito maior que isso. Antigamente, se recomendava que uma escavação profunda fosse realizada para o plantio, porém, não é mais necessário fazer isso com todos os tipos de árvores.

A teoria por trás do novo método é de que as raízes devem repousar em chão sólido para poderem suportar o peso da planta. Um solo frouxo embaixo da raiz faz com que ela mergulhe no chão, enterrando a coroa da planta. Sendo assim, evite técnicas para melhorar o solo, adicionando aplicações, a menos que você esteja fazendo o mesmo pelo restante do setor. Também solte a terra ao lado do buraco, com o objetivo de produzir um espaço largo e raso com solo solto, no qual as raízes podem crescer por vários anos.

2. Posicionar a planta

O segundo passo na hora de plantar árvores é posicionar a planta no buraco, para que a linha do solo esteja ligeiramente sobre o nível anterior. A linha do solo é uma marca distinta na base do caule, que mostra o ponto onde a planta foi originalmente coberta pelo solo. Em locais mais arenosos, você pode posicionar a planta no nível da marca original, mas jamais coloque muito no fundo.

3. Recomendações do tipo de plantio

Viveiros oferecem árvores, arbustos e vinhas em três formatos básicos: raiz nua, em saco de aniagem e em vasos. Cada um apresenta suas necessidades específicas na hora do plantio. Plantas em sacos de aniagem e com raiz nua devem ser plantadas assim que possível depois da compra. As árvores em saco de aniagem normalmente têm solo em excesso sobre a coroa, ou colar de raízes. Antes de plantar, use os dedos para remover o solo até o ponto onde o tronco aparece. Use isso como o ponto de medida para determinar a profundidade de plantio ideal.

Não é necessário afinar um terço dos galhos das árvores após o plantio. Certamente não é recomendado cortar o líder principal. Se houver líderes concorrentes, contudo, faça a poda deixando apenas um. Galhos danificados ou aqueles que crescem em ângulos esquisitos também podem ser removidos.

4. Transferência

Arbustos e árvores jovens podem ser transplantadas facilmente de uma parte do jardim para outra, desde que a ação seja feita com o cuidado devido para remover uma raiz do maior tamanho possível. A regra geral é cavar 30 cm de diâmetro de massa de raiz para cada 2,5 cm do tronco, com a medida do tronco começando em 15 cm acima do nível do solo.

O transplante é realizado com mais sucesso no início da primavera ou outono, quando as plantas estão dormentes. Árvores florais como as magnólias e as halésias são plantadas ou transplantadas com mais sucesso na primavera; já as árvores de sombra, na primavera ou outono. Se não for possível transplantar imediatamente (nas horas seguintes), certifique-se de que a raiz está completamente coberta e irrigada, tendo em vista que raízes não devem nunca ser queimadas ao Sol.

Assim, será mais fácil ter êxito ao plantar árvores.