PontoXP.com - Dicas e Informações Gerais.





DICAS PARA PERDER PESO COM A DIETA DAS PROTEÍNAS

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Saúde

DICAS PARA PERDER PESO COM A DIETA DAS PROTEÍNAS

As dicas para perder peso com a dieta das proteínas dizem respeito, principalmente, a investir nesse nutriente que é muito importante para a formação dos músculos. Por isso, é mais indicada a pessoas que estejam querendo perder peso e que também estão apostando para valer na atividade física, inclusive, com exercícios de musculação.

Porém, vale lembrar que embora exista um cardápio sugerido para a dieta das proteínas, nem todos os organismos combinam com ela, uma vez que o excesso desse nutriente pode prejudicar o funcionamento dos rins. O ideal é sempre apostar em um cardápio equilibrado e saudável, que vai suprir todas as necessidades nutricionais diárias, o que apenas se consegue com a ingestão de alimentos variados ao longo do dia.

A dieta das proteínas é baseada em consumir alimentos ricos em proteínas que o organismo não produz, mas que sejam importantes para o seu bom funcionamento. Quem desenvolveu essa dieta sugere até mesmo que as pessoas que aderirem a ela façam uso de um polivitamínico para não sofrer de carência de nutrientes. Por isso, é fundamental consultar o seu médico antes de iniciá-la.

A primeira fase da dieta sugere que no café da manhã seja consumido um shake proteico (200 ml de leite desnatado mais quatro colheres de gelatina pronta zero calorias), duas fatias de presunto magro e duas de queijo minas frescal light 0%. De lanche da manhã pode ser consumido um pote de iogurte desnatado.

Cardápio e dicas para perder peso com a dieta das proteínas

Para o almoço, a dieta das proteínas sugere um filé de frango ou peixe grelhado e salada mista à vontade com alface, pepino, espinafre, rabanete e brotos de feijão e alfafa. Aproveite para ingerir uma grande variedade de vegetais, os quais vão oferecer minerais e vitaminas importantes.

Já no lanche da tarde ingira outro shake proteico. No jantar, prepare uma omelete com uma gema, duas claras e duas xícaras de brócolis cozidos no vapor. Na segunda fase da dieta, no café da manhã, é acrescida uma fruta ou uma fatia de pão integral. No almoço, acrescenta-se uma verdura (abóbora, berinjela, cenoura, abobrinha, couve-flor).

Na segunda semana da segunda fase, acrescente nos dois lanches do dia uma fruta. Na terceira semana, acrescente um carboidrato no almoço (arroz ou macarrão integral ou feijão, lentilha, ervilha, grão-de-bico). Na quarta semana, adicione um amido (batata, mandioca).

Basicamente é só o carboidrato que está pouco presente na dieta, sendo que se você faz atividade física frequente vai sofrer com a falta do nutriente, pois é ele que dá energia ao organismo. Quem não quer radicalizar fazendo a dieta pode retirar dela algumas lições, como fazer de cinco a seis refeições por dia – as principais e lanches intercalados.

Isso é fundamental para o bem-estar do organismo, sendo que você pode comer uma fruta ou tomar um copo de leite antes de ir dormir. Além disso, é preciso manter a hidratação bebendo ao menos dois litros de água por dia.




Assine e Receba Novidades GRÁTIS por e-mail!

Confirme sua inscrição no link que receberá por e-mail


Recomendamos para você

Receba Novidades Grátis

Últimos Artigos:




PontoXP © 2006-2016 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!