PontoXP.com - Dicas e Informações Gerais.





DICAS PARA ACABAR COM O BULLYING ENTRE IRMÃOS

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Dicas

Por mais cruel que pareça essa realidade, pesquisas recentes indicam que uma em cada três crianças está envolvida diretamente com o bullying, seja como vítima, como agressor ou como ambos. Atualmente, crianças de diferentes gêneros, raças, camadas socioeconômicas e séries escolares estão sujeitas a enfrentar esta situação e o caso não é diferente dentro de caso. Bullying entre irmãos tem se tornado um problema cada vez mais comum, ainda mais quando existe ciúmes entre as duas crianças. Entretanto, existem algumas dicas para acabar com o bullying entre irmãos. Além disso, a ação dos pais pode ajudar também a reduzir a ocorrência de bullying dentro das salas de aula.

Como acabar com o bullying entre irmãos

– Sempre mantenha diálogo aberto: os adultos sempre acabam sendo os últimos perceber que os filhos estão sofrendo ou praticando o bullying. Se os pais mantiverem o hábito de sempre conversar com as crianças, poderão identificar esta situação mais facilmente. Entre os irmãos, o bullying acaba sendo resultado de uma competição entre as crianças, que fica ainda mais aparente na frente dos pais. Se os pais passam o dia fora de casa, a conversa é ainda mais importante, saber como eles como foi o dia e se eles chegaram a se desentender em algum momento.

DICAS PARA ACABAR COM O BULLYING ENTRE IRMÃOS

– Fique atento aos sinais: é natural das crianças não comentarem com ninguém sobre a situação que estão enfrentando, ainda mais se o caso ocorrer com um irmão mais velho abusivo. Pais e professores podem facilitar a identificação ficando de olho em sinais como queixas de dor de cabeça ou barriga, se a criança estiver evitando momento de contato familiar, mantendo distância do irmão. Se os sinais forem percebidos, converse diretamente com a criança e tente confirmar se está ocorrendo algo. Quando os irmãos estudam na mesma escola e tem idades diferentes, existe o risco de que o mais velho se divirta com os da mesma idade em provocar o irmão.

– Desenvolva alguns hábitos anti-bullying: desde cedo ensine seus filhos que algumas posturas são inadequadas, ainda mais contra eles mesmos, como por exemplo, empurrar, fazer gozações de um amigo, bater ou ser muito provocativo. Garanta que seu filho compreenda como estes hábitos podem magoar o outro, assim como se forem feitos contra ele irão magoá-lo. Ensino os filhos que os irmãos precisam ser unidos e que para manter uma boa relação eles precisam investir em simpatia e gentileza. Com isso, você também pode já deixá-los orientados sobre o alerta que devem dar quando estiverem sofrendo bullying de algum colega.

– Fique atenta aos hábitos escolares: muitas vezes o abuso entre os irmãos não acontece dentro de casa, já que os pais estão sempre em cima, mas pode estar ocorrendo na escola onde as crianças estudam. É fundamental sempre manter um contato direto com professores e equipe pedagógica para evitar também as provocações em sala de aula. São situações simples, mas as melhores dicas para perceber e resolver o bullying entre irmãos.






PontoXP © 2006-2018 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!