PontoXP.com - Dicas e Informações Gerais.





COMO NEGOCIAR A DIVIDA DO CARTÃO DE CRÉDITO

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Mercado, Negócios e Empresas

COMO NEGOCIAR A DÍVIDA DO CARTÃO DE CRÉDITO

COMO NEGOCIAR A DÍVIDA DO CARTÃO DE CRÉDITO – As facilidades e comodidades nas compras com o cartão de crédito são evidentes; segurança, aceitação em maioria dos estabelecimentos comerciais (incluindo serviços médicos), poder de compra, parcelamento sem juros, dentre outras vantagens. No entanto, os brasileiros continuam a pagar por uma das maiores taxas de juros no mundo: uma média de 237,9% anual para o rotativo. Algumas agências bancárias reduziram a taxa de juros para pessoa física na última semana, porém ainda é grande o número de devedores.

Existem 3 situações que ilustram o caso dos devedores:

Para o caso dos cartões ativos, quando o usuário paga somente o mínimo da fatura, sem perceber ele entra em um processo de endividamento que futuramente (caso não seja estagnado) ocasionará problemas de ordem financeira resultantes dos altos encargos contratuais. Neste caso, a alternativa é solicitar o cancelamento do cartão por parte da administradora – por escrito – e mostrar suas possibilidades reais para negociação.

Após 180 dias sem o pagamento das faturas, as administradoras cancelam o cartão. Para esta situação, uma proposta deve ser realizada dentro dos parâmetros de sua realidade financeira. Parcelamentos de até 36 vezes podem ser efetuados dependendo do valor negociado. Se ainda assim o atendente mostrar-se inflexível, remeta uma carta (AR) para a administradora com sua proposta. Vale lembrar: sempre guarde uma cópia.

Dívidas antigas são aquelas em que o usuário já está com o crédito restrito por não ter condições de efetuar qualquer tipo de pagamento. A política das administradoras é um pouco mais flexível em relação a este caso, aceitando inclusive propostas de redução de até 50% do valor cobrado – lembrando que este tipo de desconto é concedido para pagamentos à vista.

Previna-se: sempre fique atento ao vencimento e detalhamento da fatura; evite pagar parcela mínima; conheça os encargos do cartão e o utilize com prudência. A saúde financeira é fundamental. Tendo consciência, o cartão não será considerado um problema, mas sim um aliado.




Assine e Receba Novidades GRÁTIS por e-mail!

Confirme sua inscrição no link que receberá por e-mail


Recomendamos para você

Receba Novidades Grátis

Últimos Artigos:




PontoXP © 2006-2016 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!