PontoXP.com - Dicas e Informações Gerais.





COMO FAZER LIMPEZA NOS DENTES

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Saúde

COMO FAZER LIMPEZA NOS DENTES

Realizar uma limpeza nos dentes é a medida que acaba sendo tomada tarde demais. Isso porque uma limpeza profunda dos dentes tem a intenção de remover tanto tártaro e placa bacteriana quanto possível, para evitar a propagação de bactérias. Mas, com relação à limpeza nos dentes, quais são as vantagens e quando fazer?

A importância da limpeza está em se livrar do tártaro e das bactérias, porque se a placa fica nos dentes por muito tempo, ela calcifica e sua remoção se torna ainda mais difícil. O acúmulo de tártaro e de placa são terrenos férteis para a sobrevivência de bactérias, o que pode levar a doenças na gengiva. Processos básicos, como escovação e uso do fio dental ajudam, mas algumas vezes não são suficientes.

Saiba mais sobre limpeza nos dentes

Há duas fases de limpeza profunda dos dentes: raspagem e alisamento radicular. No processo de raspagem, como o nome já sugere, o dentista raspa fendas existentes na superfície dos dentes e sob as gengivas. Isso pode ser feito com ferramentas manuais ou através de vibrações ultrassônicas que ajudam a remover acúmulos indesejáveis dos dentes. Algumas vezes, o profissional pode optar por fazer uma raspagem química, aplicando um líquido anti-tártaro para prevenir a formação dos mesmos na superfície.

O alisamento radicular é usado para garantir que as paredes das raízes e superfícies dos dentes fiquem lisas e limpas, o que torna a aderência de tártaro, placa e outros organismos prejudiciais mais difícil. A matéria infectada é removida para que o tecido saudável possa crescer no lugar, livre de micro-organismos nocivos.

Podem ser necessárias fibras de antibiótico para garantir que os dentes e as gengivas melhorem da forma adequada, assim como para prevenir que as bactérias cresçam novamente. Depois desse processo, o dentista também pode prescrever um enxaguante bucal ou, se necessário, analgésicos. Exames dentais regulares são recomendados.

Depois de uma raspagem, algumas pessoas ficam com seus dentes mais sensíveis ao calor e ao frio, porque as raízes podem ter ficado mais expostas. Usar pasta para dentes sensíveis pode ajudar; com o tempo, a sensibilidade sumirá.

Pessoas mais propensas a infecções, como as que têm um sistema imunológico debilitado, podem precisar de antibióticos depois de uma limpeza profunda. É normal ter pequenos sangramentos por até uma semana depois da limpeza; no entanto, se você estiver apresentando sangramento intenso acompanhado de febre e inchaço, ligue para seu dentista.

A limpeza ou manutenção profilática da saúde bucal também pode trazer bons resultados, com o adicional de usar substâncias menos agressivas e ter um custo mais baixo que um procedimento tradicional de clareamento dental. A limpeza usa jatos de bicarbonato de sódio para limpar a placa bacteriana. O aparelho de ultrassom e a limpeza manual (raspagem) retiram o tártaro. Peróxidos leves podem ser utilizados para eliminar as manchas externas.

Sempre há um branqueamento com a limpeza frequente, mas o grau depende de cada pessoa. Influenciam a questão genética, a idade do paciente, o tecido dental e se há restauro ou próteses. Em uma sessão, os dentes são limpos. O correto é a cada seis meses consultar o dentista, mas isso depende também da tendência para o surgimento de manchas. Em alguns casos, os pacientes são aconselhados a visitarem a cadeira do dentista a cada quatro meses.

Por fim, a manutenção da limpeza se dá pelo uso do fio dental e escovação diária após as refeições. O valor médio do tratamento pode variar de R$ 200 a R$ 1 mil, mas há a possibilidade de realizar uma limpeza em postos de saúde.




Assine e Receba Novidades GRÁTIS por e-mail!

Confirme sua inscrição no link que receberá por e-mail


Recomendamos para você

Receba Novidades Grátis

Últimos Artigos:




PontoXP © 2006-2016 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!