PontoXP.com - Dicas e Informações Gerais.





COMO DAR NÓ EM GRAVATA – PASSO A PASSO

Autor: Textual Conteúdo
Publicado em: Informações Gerais

COMO DAR NÓ EM GRAVATA

Há quem nunca fez um nó em gravata na vida, ou apenas fez poucas vezes e, por isso, não têm ideia de que existem diferentes tipos de nós. Como dar nó em gravata não é nada complicado, apesar do mito todo que envolve essa situação que, para algumas pessoas, é semelhante a um ritual. Para ajudar a entender como dar nó em gravata, muitos sites ilustram com imagens e com o passo a passo para cada um dos variados tipos.

Antes de aprender a fazer isso, no entanto, vale dizer que os primeiros a usarem gravata foram os soldados para se protegerem do frio. No reinado de Louis XIII, na França, soldados croatas foram recrutados e eles levavam no pescoço um lenço atado. Em torno do ano 1650, a corte do rei Louis XIV começa a usar a gravata, sendo que cada um usava ela ao seu jeito, com tiras de seda e rendas. A moda disseminou em toda a Europa, em especial, entre os ricos, atravessando séculos e continentes.

COMO DAR NÓ EM GRAVATA - PASSO A PASSO

No entanto, a gravata como se conhece hoje em dia surgiu durante a Revolução Industrial, quando se transformou em um acessório mais funcional, longo e estreito. Para arrumá-la, existem várias técnicas, entre elas, as mais conhecidas são o nó simples, o pequeno, o duplo, o borboleta, o francês e o inglês. O nó simples, também conhecido como Four in Handou Escorregadio, é o nó clássico, que combina com homens altos e corpulentos, sendo o mais fácil de fazer e o que combina com qualquer colarinho.

Para saber como dar nó em gravata desse tipo, basta colocar o colarinho para cima e fechar o botão, após, cruzar a parte larga sobre a estreita, por baixo do colarinho; deslizar a parte larga sob a estreita; envolver a parte larga sobre a estreita; passar a parte larga para cima e, por baixo, colocar o índex no nó realizado, após, retirar o índex; e deslizar a parte larga da gravata na fivela. Por fim, tirar a parte larga para apertar a fivela e ajustar o nó.

A única diferença do nó duplo em relação ao simples é que possui uma segunda rotação, sendo que também combina com diferentes gravatas, menos as muitas espessas. O nó pequeno cai bem em gravatas espessas e em camisas com colarinho apertado. Enquanto isso, o nó borboleta combina com poucas ocasiões, geralmente, com um smoking preto e uma camisa branca com colarinho partido. O nó inglês, também conhecido por Windsor, é bastante cheio e fica bem em colarinhos largos, sendo usado em ocasiões especiais. O mesmo ocorre com o nó francês, ou meio Windsor, com a diferença que é menos espesso e mais fácil de fazer.

loading...





PontoXP © 2006-2017 - Todos os direitos reservados.
Termos de uso | Contato | Anuncie| Assine os FEEDS RSS!